Tag Archives: movimento sindical

Um STU combativo e independente da reitoria

Nos últimos 2 anos e meio, o STU se reaproximou dos trabalhadores, mostrou firmeza frente à enrolação das reitorias e conseguiu muitas vitórias. Especialmente, a partir da greve de 2011, o VA saltou de R$ 250,00 para R$ 850,00 e já arrancamos o início da implementação da isonomia. Em dois anos de um sindicato combativo, ganhamos mais que nos 10 anos em que o STU ficava só tomando chazinho com o reitor! Para nós, o único modo do povo ter vitórias é com coragem e independência frente aos dono do poder.

Nosso sonho é um movimento sindical inteligente frente à repressão e que tenha credibilidade. Infelizmente, na maioria dos sindicatos no Brasil, predomina o toma-lá-dá-cá entre sindicalistas, patrões e governos. Quem sai perdendo é sempre o trabalhador. Não queremos isto no STU! Nesta eleição, somos o único grupo que não tem “rabo preso” com a reitoria Tadeu. E mantemos o compromisso de não aceitar cargos de confiança da reitoria.

Queremos trazer ao movimento sindical a energia das ruas em protesto e a independência política da juventude que, desde junho de 2013, inaugurou um novo período das lutas no Brasil.

O STU tem que continuar do lado certo. E não pode ser o mesmo do governo ou do patrão.

Eleição do STU será em abril

20140216_chapa4O que está em jogo para o movimento sindical da Unicamp?

Daqui a dois meses ocorrerá a eleição do STU, que vai definir a diretoria da entidade no triênio 2014-2017. A Chapa 4 – Vamos à Luta! acredita que é preciso continuar renovando o nosso sindicato. Com firmeza frente à enrolação da reitoria. E apostando nos sonhos de mudanças que as manifestações de 2013 acendeu em todos nós. Tudo isso aliado à experiência de lideranças históricas da Unicamp, que nunca abriram mão da combatividade do movimento sindical.

Nos últimos dois anos e meio, conseguimos importantes conquistas econômicas e a nossa categoria voltou a acreditar no STU. Isso mostra que o único caminho para conquistas é o da luta e o do enfrentamento. O sindicato ainda está longe de ter uma atuação e um atendimento perfeito, mas isto faz parte do desafio, especialmente quando nos dispomos a conduzir os instrumentos dos trabalhadores com toda independência política frente aos velhos esquemas da burocracia sindical.

Nosso desafio para os próximos anos do STU é apostar nas mudanças iniciadas desde a eleição do Vamos à Luta! em 2011. Carregando o aprendizado destes primeiros anos e com a mesma energia de sempre. Mais uma vez, como sempre, precisaremos do seu ânimo para construir uma campanha que ajude a categoria a lutar coletivamente e com eficácia na defesa de seus direitos.

Vote e ganhe votos na chapa 4
Vamos à Luta!